INSPIRAÇÕES DO POETA

26 de jun de 2009

Utopia

Vai ingressar na rede de Roberta, de Luíza ou Ana.
Vai levar todas pra cama.
Vai! provoca-me ciúme e razão.
Vai, que o amor é pra dois. O nosso! Ilusão.
Vai gemer acompanhado, teu gozo solitário.
Vai e me devora no coito imaginário.
Vai viver, porque é preciso.
Vai, que a vida é improviso.
Vai ter sexo de fato.
Vai, quem sabe ao fim do ato.
Vai encontrar alguém que possa amar.
Vai me esquecer num canto qualquer de um lugar.
Vai, e deixe um leve rastro suspeito.
Vai, mas antes, me arranque de vez do teu peito.

2 comentários:

POETA E/OU LOUCO disse...

Evohé, Ira!

Poemas magníficos por aqui.
Meus parabéns...

Abreijos textuais
Aleph Davis

Ira Buscacio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.